Pub

Açores 24Horas – Jornal Diário

PS/Açores concentrado num novo ciclo para a região – Carlos César

Regional AÇORES » 11 de Novembro de 2017


carlos cesarO presidente honorário do PS/Açores, Carlos César, afirmou hoje que a proposta de orçamento regional para 2018 “marca um novo ciclo”, no qual o partido está concentrado, considerando que este é “um tempo novo” que responde a novas emergências.

“Tivemos oportunidade de verificar que o trabalho que está a ser feito, designadamente aquele que resulta da política orçamental que é proposta pelo Governo Regional para o próximo ano, é um trabalho muito importante que marca um novo ciclo de transição, de um investimento mais centrado na quantidade e na disponibilidade, sobretudo de fundos europeus, para um trabalho mais apurado, tecnicamente mais seletivo, que aposta mais na qualidade, na sustentabilidade, é um tempo novo, respondendo a novas necessidades e a novas emergências”, afirmou Carlos César.

O dirigente socialista falava aos jornalistas em Ponta Delgada, ilha de São Miguel, onde hoje se reuniu a Comissão Regional do PS/Açores, destacando que “isto é muito importante porque revela que o PS nos Açores se adequa ao tempo”.

“Aquilo que ontem era uma prioridade hoje pode não ser, hoje não é mesmo e, portanto, isto significa que devemos mudar as nossas políticas consoante a deteção de prioridades que vamos verificando”, continuou.

Considerando “muito importante essa capacidade que o PS revela nos Açores”, sendo “por isso que o PS é governo há tanto tempo”, Carlos César justificou: “Porque não é sempre o mesmo PS, não é sempre com a mesma política e não é sempre com as mesmas pessoas”.

“É essa a grande virtude que temos tido na nossa região, fazemos mais renovação e mais autocrítica do que aquela que resulta da oposição”, referiu.

Questionado sobre a data do próximo congresso do PS/Açores, Carlos César esclareceu que essa matéria não foi abordada.

“Não estamos a olhar para o umbigo, o PS interessa-nos como plataforma de trabalho a favor dos Açores e no seu devido tempo essa marcação será feita”, adiantou, para acrescentar: “Concentramo-nos, por isso, neste novo ciclo, também no contributo que o Orçamento do Estado dá para a região”.

Para Carlos César, o Orçamento do Estado para 2018 é “mais uma vez bom para os Açores”, exemplificando com “alguns investimentos” relacionados com os serviços do Estado que têm acolhimento no documento, como a nova prisão de Ponta Delgada, além de outros compromissos.

O presidente honorário do PS/Açores, que chefiou o Governo Regional entre 1996 e 2012, referiu ainda que a Comissão Regional do partido, que reuniu pela primeira vez após as eleições autárquicas, abordou os resultados deste sufrágio.

“Foi uma eleição importante para o PS que reconfirmou a sua implantação nas nossas nove ilhas e a liderança que tem nas câmaras municipais, assembleias municipais e juntas de freguesia”, afirmou, situação que é “muito importante como fator de confiança para o trabalho que os socialistas têm desenvolvido e continuarão a desenvolver nos Açores”.

 

 

 

Lusa / Foto de Arquivo

Download PDF

Diretor / Editor – Sissa Madruga
Sede Redação e edição – Rua do Cemiterio, nº16, Livramento-9500 615 Ponta Delgada
Email - acores24@gmail.com
Telm - +(351) 913290915

Entidade Reguladora para a Comunicação Social (ERC) - Registo nº 126316
Estatuto EditorialAçores 24Horas © 2013
Propriedade Fabio Celio Ribeiro - NIF 214139336