Orçamento do SATA Rallye Açores triplica em 2009

0
raliFrancisco Coelho não revelou, contudo, os valores que comportam a edição deste ano da prova do IRC/Series.
O Orçamento do SATA Rallye Açores, prova pontuável para o IRC/Series, Campeonato de Portugal e dos Açores de Ralis, que se disputa na ilha de São Miguel de 7 a 9 de Maio, triplicou relativamente à edição do ano anterior.

Francisco Coelho assegurou que o budget para 2009 é superior ao da prova realizada em 2008, remetendo para o Relatório e Contas de 2009, a ser apresentado em 2010 em Assembleia Geral, os valores exactos que o Clube Desportivo Comercial despendeu com a prova.

 

A revelação foi feita na manhã de segunda-feira no Palácio da Conceição, em Ponta Delgada, após uma audiência com o  secretário regional da Presidência, tendo sido dado a conhecer ao governante todos os aspectos relacionados com a maior prova automobilística dos Açores.

 

Francisco Coelho adiantou, ainda, que o clube organizador do evento ainda se encontra em negociações para o aluguer de um ferry que irá fazer o transporte marítimo das viaturas e equipas de assistência dos pilotos que estão a disputar na íntegra o Campeonato IRC/Series.

 

Revelando que os contactos não têm sido fáceis, o presidente do “Comercial” mostrou-se esperançado em que a questão vai ser resolvida atempadamente, esperando a 26 de Março, data da apresentação pública do rali, poder ter este ponto devidamente resolvido.

 

Francisco Coelho, que assegura ter presente na prova as principais marcas que estão a disputar o campeonato IRC/Series, anunciou também que a projecção da Região para o exterior está devidamente assegurada, uma vez que o SATA Rallye Açores vai ser alvo, ao longo dos três dias de rali, de diversos directos televisivos para todo o mundo, através da cobertura que irá ser feita pelo canal desportivo Eurosport.

 

Neste capítulo, segundo ainda confirmou, a organização já recebeu cerca de duzentos pedidos de credenciação por parte de jornalistas, destacando a presença de repórteres vindos da Europa de Leste.

 

O secretário regional da Presidência, por seu turno, manifestou a total disponibilidade do Governo Regional dos Açores no apoio à prova, realçando que o SATA Rallye Açores é um dos cartazes turísticos mais importantes para o arquipélago.

 

André Bradford manifestou também satisfação por o Conselho de Ministros, na última semana, ter declarado o rali organizado pelo Grupo Desportivo Comercial como prova de interesse público, o que reforça a importância do evento desportivo mas também pressupõe acréscimos de responsabilidade a todas as entidades envolvidas, desde o clube organizador, passando pelo Governo Regional dos Açores, e até ao Governo da República.

Arthur Melo (in AOriental)

Pub

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here