PJ faz a maior apreensão de sempre de heroína nos Açores

0
105

A Polícia Judiciária anunciou hoje a  detenção de uma mulher S. Miguel que tinha na sua posse droga suficiente  para 9.995 doses de haxixe e 83.400 de heroína, a maior apreensão de sempre  nos Açores.

Segundo o Departamento de Investigação Criminal de Ponta Delgada, a  detenção ocorreu no aeroporto João Paulo II e “a mulher tinha na sua posse  haxixe suficiente para a preparação 9.995 doses, bem como 83.400 doses de  heroína, encontrando-se tais produtos em elevado grau de pureza”. 

Um comunicado da PJ acrescenta que “a quantidade de heroína apreendida  constitui a maior a apreensão de sempre na Região Autónoma dos Açores”.

A detenção e apreensão de droga surge após “um aturado trabalho de investigação,  que permitiu neutralizar um elemento de uma estruturada rede de narcotráfico,  com ligações ao continente, responsável pela introdução de importantes quantidades  de estupefacientes nos Açores”, revela a PJ. 

A detida, de 45 anos de idade, natural e residente na área metropolitana  de Lisboa, ainda vai ser sujeita a primeiro interrogatório judicial. 

 

Lusa

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here