Angra do Heroísmo celebra 50º aniversário de geminação com cidade de Tulare (USA)

0
363

tulareNo âmbito das Comemorações dos 50 anos de geminação da cidade de Tulare com a cidade de Angra do Heroísmo, deslocam-se à Ilha Terceira, entre 19 e 25 de outubro, uma Comitiva de Tulare, com cerca de 18 pessoas, tendo sido preparado um vasto programa para acolher os diversos membros, de várias áreas de relevo daquela localidade.

A geminação de Angra do Heroísmo com Tulare teve lugar a 10 de março de 1966, tendo sido a primeira cidade com a qual Angra do Heroísmo se geminou, o que confere a este aniversário um simbolismo muito especial, convidando a autarquia à participação da população nos vários eventos organizados para assinalar a efeméride.

Segundo declarações prestadas pela Vereadora Raquel Caetano Ferreira “esta geminação ocorreu graças ao carácter visionário de João Afonso, o percursor do estabelecimento deste laço, sendo que esta foi também uma das três primeiras geminações de autarquias portuguesas e a primeira geminação de uma autarquia açoriana. Mas isto não ocorreu por acaso. Tulare, à época, em 1966, era maioritariamente habitada por cidadãos terceirenses. E a verdade é que hoje, mesmo depois do enorme crescimento que a cidade experienciou esta é, entre as médias cidades californianas, a que maior percentagem tem de população portuguesa e, particularmente, população descendente da ilha Terceira”, explicou.

O programa preparado para receber esta comitiva é variado e composto por reuniões com diversas entidades locais, visitas a diversos pontos turísticos da ilha Terceira e eventos culturais, dos quais se destacam, no dia 19 de outubro, a inauguração de uma Exposição de Fotografia intitulada “Tulare –Uma Vista Parcial”, patente no hall superior dos Paços do Concelho, no dia 20 de outubro, na sede do Alpendre, a ante estreia da Peça “Já não gosto de chocolates”, da autoria de Álamo de Oliveira, no dia 22 de outubro, no Teatro Angrense, o espetáculo musical de Cristóvam & Sara Cruz e no dia 23 de outubro, na Igreja da Misericórdia, o Concerto Comemorativo do 35º Aniversário do Coro da Academia Musical da Ilha Terceira.

A geminação de cidades é um conceito que tem como objetivo criar relações e mecanismos protocolares, essencialmente em nível espacial, econômico e cultural, através dos quais cidades de áreas geográficas ou políticas distintas estabelecem laços de cooperação, tornando-se “cidades irmãs.”

A comitiva é composta por: David Macedo- Presidente da Câmara de Tulare; Diniz Borges- cônsul honorário de Portugal, professor de português e vice-presidente da Tulare – Angra do Heroísmo Sister City Foundation; Michelle Nunley-diretora da Escola Tulare Union, e filha Brayden, aluna e presidente da Associação de Estudantes; Carmen Pinheiro, presidente da Tulare – Angra do Heroísmo Sister City Foundation; David Mendonça – diretor encarregado do protocolo com a Universidade de Fresno; Manuel Silva e Nataly Silva, representantes da Escola Tulare Union; Ronald Quinn e Phyllis Quinn, diretores da Tulare – Angra do Heroísmo Sister City Foundation; Marie Macedo, diretora de Escola no Condado de Tulare e vice-presidente do Centro Português de Evangelização e Cultura de Tulare; bem como os estudantes Cassidy Dollin, Daniela Toste, Justin do Canto, Hailey Fernandez e Evan Garcia.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here