Praga de ratos põe em causa saúde pública dos graciosenses alerta PSD/A

0
243
O PSD/Açores denunciou hoje que o problema da praga de ratos na Graciosa está a “pôr em causa a saúde pública” e apelou ao governo regional para que efetue uma “verdadeira campanha de desratização” na ilha.
“O problema da praga de ratos na ilha Graciosa está à vista de toda a gente. Chegou-se ao ponto dos alunos da Escola Básica e Secundária da Graciosa partilharem o recreio com ratos, o que originou esta semana uma manifestação da própria comunidade estudantil”, afirmou António Reis, vogal da comissão política regional do partido.
Para o dirigente social-democrata, o governo regional “não se pode demitir da sua função de zelar pela saúde pública e deve avançar com uma verdadeira campanha de desratização na ilha”.
António Reis lembrou que, em janeiro deste ano, o secretário regional da Agricultura anunciou uma “grande campanha de desratização” em todas as ilhas, mas que, no caso concreto da Graciosa, “nada de estruturante foi feito pelos serviços governamentais, que se limitaram a distribuir raticida pela população”.
“A praga dos ratos, para além de ser um grave problema de saúde pública, tem igualmente fortes implicações na economia da ilha Graciosa, devido aos prejuízos que os roedores provocam”, disse.
O dirigente do PSD/Açores salientou que o governo regional “tem que agir rapidamente” na defesa da população da Graciosa, alegando que o executivo “não pode continuar a empurrar para as autarquias e para a população da ilha a resolução do problema da praga de ratos”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here