Mensagem de Natal do Presidente do Governo dos Açores

0
33

Mensagem de Natal do Presidente do Governo dos Açores:

 

Neste Natal, em que somos convocados para a celebração da Família, do nascimento do Menino Jesus, da Solidariedade e da Paz, quero partilhar convosco os votos de que esta seja uma quadra feliz e serena para todos, sem exceção.

As minhas primeiras palavras vão para as Açorianas e para os Açorianos para quem este Natal, pelas mais diversas vicissitudes da vida, não é, em toda a sua plenitude, um tempo de Alegria, de Conforto ou de Tranquilidade.

Sei que, por todas as nossas ilhas, há ainda pessoas, há ainda famílias, nessa situação.

É com elas, é, desde logo, com elas, que, não só nesta noite de Natal, mas no dia a dia do meu trabalho como Presidente do Governo e do trabalho de todo o Governo dos Açores, está também o nosso pensamento naquilo em que a melhoria da sua situação depender da nossa ação.

Na melhoria da capacidade de responder pronta e eficazmente às necessidades da nossa Saúde, na aposta em melhores condições para a qualificação individual e coletiva das Açorianas e dos Açorianos, desde logo pela Educação, nas medidas que ajudem a nossa Economia a criar cada vez mais e cada vez melhores empregos, nas iniciativas que potenciem o sucesso, pessoal e profissional, das nossas crianças e da nossa Juventude, no apoio para que os nossos idosos tenham, nessa fase da sua vida, o conforto, a dignidade e, em alguns casos, o carinho que lhes é devido como pessoas e como Açorianos.

Neste ano 2018 que agora caminha rapidamente para o seu término, tivemos muitos, grandes e exigentes desafios.

Mas, se a vida é mesmo assim também nas nossas casas e nas nossas famílias, gostaria, sobretudo, de salientar o modo como enfrentamos e, na maioria dos casos, vencemos já esses desafios.

Este foi um ano marcado pela estabilidade, pela confiança e pela consolidação crescente e progressiva de bons resultados em diversas áreas da nossa vida coletiva.

Este foi um ano em que os Açores avançaram, e avançaram com segurança e com certeza, no rumo certo e conhecido de termos uma Região cada vez mais forte, cada vez mais solidária e cada vez mais desenvolvida.

Estabilidade que deriva do cumprimento constante dos compromissos que assumimos com os Açorianos, em muitos casos resultante de uma sólida parceria entre entidades públicas e privadas.

Confiança no mérito do rumo definido, Confiança na responsabilidade e na seriedade com que encaramos a nossa tarefa e Confiança na competência e na capacidade de fazer o que ainda falta fazer.

Consolidação, crescente e progressiva, de bons resultados seja na criação de emprego, na criação de riqueza, seja, ainda, na tarefa apoiar mais quem mais precisa.

E se assim foi neste ano que agora está a terminar, assim deve ser, ainda com mais determinação, empenho e trabalho, ainda com mais Esperança e Confiança, no Ano Novo que está já aí a começar.

E a mensagem que, como Presidente do Governo, vos gostaria de transmitir é que cada um de nós, na nossa atividade profissional, mas, sobretudo, como Açorianos, como Povo Açoriano de que tanto nos orgulhamos de fazer parte, assuma, cada vez em maior plenitude e de forma cada vez mais empenhada, o desafio de fazer bem o seu papel, porque, se todos assim fizermos, é mais fácil sermos mais fortes, mais esclarecidos, mais Açorianos.

Para isso, ajudará que, cada um de nós, a começar por mim, como Presidente do Governo, e pelo Governo que lidero, pare e olhe ainda com mais atenção para os nossos concidadãos para sermos mais solidários como Povo. Todos somos responsáveis por todos!

Para isso, contribuirá, estou certo, que cada um de nós, a começar por mim, como Presidente do Governo, e pelo Governo que lidero, dê ainda mais do seu esforço, mais do seu empenho, nas empresas ou nos locais de trabalho, na sua atividade profissional diária, para que sejamos mais ricos, mais produtivos, mais competitivos e, por isso, mais fortes como Região.

Para isso, no fundo, ajudará que cada um de nós, a começar por mim como Presidente do Governo, e pelo Governo que lidero, assuma ainda mais que, à sua medida e dentro das suas possibilidades, tem um relevante papel a desempenhar na nossa vida cívica, assumindo-se como protagonista, por direito próprio, nesta imensa e aliciante tarefa de levar os Açores para a frente.

Para isso, também ajudará que, no exercício de funções públicas, todos aqueles que as desempenham, seja a que nível for, norteiem a sua ação ainda por mais elevados critérios de exigência, por mais elevados critérios de justiça, por mais elevados critérios de rigor e ainda por mais profissionalismo.

Estes são, entre muitos outros, alguns dos desafios que, neste ano que rapidamente se aproxima, merecerão da nossa parte empenhamento e uma determinação inconformada e exigente para que 2019 seja mais uma importante etapa neste rumo certo que a nossa Região está a trilhar.

A todos os Açorianos, quer estejam nas nossas ilhas ou na nossa vasta Diáspora espalhada pelo mundo, desejo, em meu nome, em nome da minha família e em nome do Governo dos Açores, um Santo e Feliz Natal e um ano 2019 repleto de sucessos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here