PSD exige que Vasco Cordeiro cumpra promessa de atrair mais companhias aéreas para o Faial

0
93

Os deputados do PSD/Açores eleitos pelo Faial exigiram hoje ao Presidente do Governo Regional que cumpra a promessa, feita em 2017, de alteração das obrigações de serviço público nas ligações aéreas com o continente, de forma a atrair mais companhias aéreas para a ilha.

“Em janeiro de 2017, Vasco Cordeiro anunciou que o Governo Regional ia propor a alteração das obrigações de serviço público, com o objetivo de tornar mais atrativas as rotas que estão sujeitas a serviço público (Faial, Pico e Santa Maria). Já se passaram mais de dois anos e meio da data em que o Presidente do Governo proferiu estas declarações e nada se sabe”, afirmaram.

Em requerimento entregue na Assembleia Legislativa dos Açores, Luís Garcia e Carlos Ferreira salientaram que, “pelo quinto verão consecutivo, a SATA Internacional/Azores Airlines demonstra não ter capacidade para prestar ao Faial um serviço adequado às suas necessidades e expetativas”.

“Desde do verão de 2015 que o serviço da SATA Internacional/Azores Airlines ao Faial se vem caraterizando por uma crónica falta de voos e de lugares que compromete a mobilidade de quem aqui vive e de quem quer visitar esta ilha, bem como, a exportação dos nossos produtos”, sublinharam.

Segundo os parlamentares social-democratas faialenses, “repetem-se, entre outros constrangimentos, cancelamentos, atrasos, voos sem bagagem e passageiros de voos cancelados que se queixam do mau acompanhamento que lhes é feito, sobretudo, em Lisboa”.

“Está, no nosso entendimento, mais do que provada e comprovada a incapacidade da Azores Airlines para, nestas condições, servir convenientemente a ilha da Faial. Assim não é possível desenvolver sustentadamente este destino turístico, que, pelo contrário, está a ser diariamente destruído com este mau serviço em termos de acessibilidades aéreas”, disseram.

Luís Garcia e Carlos Ferreira consideram “urgente alterar este cenário que não interessa a ninguém, incluindo à imagem e sustentabilidade da própria SATA Internacional/Azores Airlines”.

“Importa, por isso, passado todo este tempo, saber e perceber o que foi feito pelo Governo Regional e pela administração da SATA para operacionalizar aqueles que foram os anúncios feitos pelo Presidente do Governo em janeiro de 2017, após uma reunião com o Presidente da Câmara Municipal da Horta”, referiram.

No requerimento, os deputados do PSD/Açores eleitos pelo Faial solicitaram ao Governo Regional “cópia documental comprovativa” das diligências feitas pelo executivo neste assunto e da proposta de revisão das obrigações de serviço público nas ligações aéreas entre o arquipélago e o continente

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here