Governo toma medidas para que pescadores voltem ao ativo após passagem do furacão Lorenzo

0
202
Foto - Direitos Reservados

O Secretário Regional do Mar, Ciência e Tecnologia adiantou hoje que, “nos próximos dias, deverão estar reunidas todas as condições para serem colocadas no mar as quatro embarcações de pesca da ilha das Flores que se encontram operacionais”.

“Esta operação será efetuada no Núcleo de Pescas do Porto das Lajes das Flores, com a colaboração da Portos dos Açores, para que os pescadores possam retomar a sua atividade”, afirmou Gui Menezes.

Segundo o governante, a solução encontrada pela Secretaria Regional do Mar já foi transmitida à associação de pescadores florentinos e aos profissionais da pesca, que se mostraram de acordo.

O Secretário Regional referiu que foi enviado um técnico às Flores e ao Pico, ilhas que “foram as mais afetadas” no que respeita a infraestruturas de apoio à pesca, com o objetivo de “identificar os prejuízos causados pelo furacão Lorenzo e produzir um relatório que, entretanto, já foi concluído”.

Mergulhadores especializados encontram-se neste momento a efetuar vistorias em várias infraestruturas portuárias da ilha do Pico, nomeadamente no porto do Calhau (Monte) e nos portos de pescas de Santa Cruz das Ribeiras, da Calheta do Nesquim, de São Mateus, de São Caetano e de São João.

“O objetivo é analisar as condições de segurança e a estabilidade daqueles portos”, referiu.

No que respeita aos equipamentos de apoio, estão a ser desenvolvidos esforços para reparar a grua do Monte Calhau, tendo-se procedido já à reparação dos danos materiais nos postos de recolha de pescado de São Mateus e de São João.

Na oficina de reparação naval do porto de São João estão a ser repostas as telhas e os telhões em falta, procedendo-se depois à recolocação da cobertura, em colaboração com a Secretaria Regional dos Transportes e Obras Públicas.

Foram também solucionadas as avarias na ventilação dos postos de recolha de São Roque e de Santo Amaro, bem como a avaria hidráulica na grua do porto da Manhenha, para além de já terem sido efetuados os trabalhos de limpeza e de reparação da iluminação e dos sistemas elétricos de todos os edifícios e equipamentos de apoio à pesca.

Nas ilhas das Flores, Faial e Graciosa está a decorrer a orçamentação, bem como o planeamento de serviços para reposição e reparação de materiais, maioritariamente portas, tendo já sido efetuadas limpezas e pequenas reparações nos sistemas elétricos.

Na ilha do Faial, as portadas do posto de recolha do porto do Varadouro já foram instaladas e os equipamentos foram reparados, sendo que toda a atividade da pesca já foi retomada naquele local.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here