Exposição nos Açores “desvenda diferentes olhares” na “arte de bem cuidar”

0
104
Cerca de 30 fotografias vão mostrar, a partir de terça-feira, em Ponta Delgada, momentos entre cuidadores e pessoas em situação de dependência, e desvendar “diferentes olhares” na “arte de bem cuidar”, anunciou uma das responsáveis.

“Esta exposição com fotografias de vários fotógrafos açorianos ou residentes nos Açores, que captaram expressões felizes ou mais contidas durante momentos ou experiências de cuidadores formais e informais de pessoas em situação de dependência”, disse à Lusa uma assistente social na Casa de Povo das Capelas, na ilha de São Miguel Cristina Moura, que integra a comissão organizadora do projeto “Arte do Cuidar”.

A exposição vai estar patente até final de novembro no centro de saúde de Ponta Delgada e, posteriormente, vai passar por outros locais da ilha de São Miguel acessíveis à comunidade, nomeadamente, centros ou unidades de saúde e também pela Universidade dos Açores, onde haverá debates sobre o tema, indicou.

Cristina Moura adiantou que, a partir de janeiro, a exposição vai passar por “várias escolas para proporcionar uma reflexão e debate junto das crianças e jovens em idade escolar, sabendo que estes serão os cuidadores de amanhã”.

“Esperemos que os alunos levem estes conhecimentos para as famílias e debatam o tema”, sublinhou, já que as fotos permitem ver, por exemplo, um cuidador a prestar cuidados na alimentação, na higiene, ou a “fazer uma transferência de uma cadeira para uma cama”.

A exposição terá uma abordagem “diferente da habitual”, considerou a assistente social, com fotografias que vão convidar “os visitantes a refletirem” sobre a vertente física, mas também emocional, “o afeto” e “o carinho”, numa “homenagem a quem bem cuida 24 horas sobre 24 horas”.

A assistente social destacou que “as fotos também tiveram um cunho personalizado da comunidade escolar na criação de títulos para cada fotografia”, através de um concurso promovido pela Rede Regional de Bibliotecas Escolares.

Sobre o projeto “Arte do Cuidar”, Cristina Moura referiu que “abrange cerca de 30 cuidadores formais e informais” e a iniciativa procura “homenagear cuidadores e sensibilizar para a importância do cuidar através de diversas iniciativas, como exposições, momentos de partilha, redação de textos alusivos ao cuidador ou a interação entre utentes, técnicos e cuidadores”.

O “Arte do Cuidar” surge como uma iniciativa promovida pela Casa do Povo das Capelas, em conjunto com o Governo Regional dos Açores e diversas entidades públicas e privadas. O projeto conta, ainda, com a colaboração da Câmara Municipal de Ponta Delgada, Junta de Freguesia da Vila das Capelas, Associação Norte Crescente, Rede Regional de Bibliotecas Escolares, Associação de Fotógrafos Amadores dos Açores (AFAA), Centro de Saúde de Ponta Delgada e Universidade dos Açores, entre outros.

 

Lusa

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here