“Saibamos todos ser sempre fiéis intérpretes dos interesses do Povo Açoriano”, afirma Vasco Cordeiro

0

O Presidente do Governo destacou, esta segunda-feira, a segurança, a ponderação, a estabilidade e a capacidade de entendimento como valores que distinguem a Região, fazendo votos que, neste ano que agora se inicia, as entidades e instituições regionais saibam ser “fiéis interpretes” dos interesses do Povo Açoriano.

“Saibamos todos ser fiéis intérpretes desse interesse, valorizando elementos que nos distinguem e caraterizam, tais como a segurança, a ponderação, a estabilidade, a capacidade de entendimento e de bom senso. Apesar das nossas saudáveis e naturais diferenças, sejamos sempre capazes de nunca perder de vista o interesse do Povo que representámos”, afirmou Vasco Cordeiro.

O Presidente do Governo falava na Receção de Ano Novo ao corpo consular e às autoridades civis, militares e religiosas dos Açores, que, tradicionalmente, decorre no Palácio de Santana, em Ponta Delgada, no Dia de Reis.

“Entramos em 2020 com o espírito de determinação e de ânimo para vencer os desafios que estão à nossa frente, que têm a ver com a nossa Região, mas que também vão bem para além disso”, referiu Vasco Cordeiro, ao adiantar que, em algumas circunstâncias, esses desafios resultam das forças naturais, mas também da intervenção humana num mundo globalizado.

No seu brinde de Ano Novo, o Presidente do Governo considerou ainda que, na Região, além das eleições para a Assembleia Legislativa, este ano ficará marcado pelas negociações de um novo Quadro Comunitário de Apoio, sobretudo naquilo que isso “significa para os Açorianos como parte integrante desse projeto europeu”.

Relativamente ao ano que terminou, Vasco Cordeiro recordou a passagem do furacão Lorenzo, que atingiu principalmente as ilhas das Flores e do Faial, mas que teve efeitos bastante significativos e danos avultados em várias outras ilhas.

Pub

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here